Depoimento – Avelino Manzatto

Avelino, hoje com 85 anos, diz que se recorda
do dia em que seu avô, Miguel Manzatto, morreu

“Lembro do velório do Miguel”

Morando há três anos na Cidade Vicentina Frederico Ozanan, em Jundiaí, Avelino Manzatto, filho de Romano e Ermínia, conta histórias de sua vida, que tinham como personagens, os pais, os irmãos,  os tios Santo, Romano e Marcos e o avô Miguel Manzatto, que morreu no dia 1° de agosto de 1927, na Fazenda do Barão, região do Caxambu. Avelino fez 85 anos no último dia 15 de outubro. Ele esteve em casa, no ano passado, acompanhado da sobrinha Adelina e da filha desta, Raquel. Solteiro, ele afirma que não teve oportunidade para mudar isso. Viu os irmãos se casando, mas, quando sua mãe, Ermínia, ficou viúva acabou tomando conta dela e depois se achou velho demais para casar. Para quem não sabe, Avelino morou, antes de ir para a Cidade Vicentina, na rua dr Hegg, próximo à Vila Arens e saiu após a morte de seu irmão, João. “A casa ficou para o Roberto, filho do João. Ele casou, tem dois filhos e já é avô. Roberto era irmão de Antonio Carlos Manzatto que morreu depois de passar por seis cirurgias, vítima de acidente automobilístico.

Ele lembra do dia em que Miguel Manzatto, pai de Santo e Romano, morreu na região do Caxambu, numa fazenda que ficou para Biazio Manzatto.  Biazio era filho de Marcos, mas ele não se lembra dos nomes das irmãs de Biazio. Segundo ele, após a morte da mulher de Marcos – Madalena, mesmo nome da mulher de Miguel – quem criou as crianças foi Ermínia. Madalena morreu atingida por um raio na casa onde morava, exatamente na mesma fazenda onde vivera Miguel. “Os filhos do Miguel se casavam e acabavam ficando morando por lá. Antigamente chamava Varginha – Jundiaí tinha dois bairros com este nome, um na saída para Terra Nova e este, no Caxambu, na fazenda do Barão.” “O Santo também foi morar lá depois que casou e por último morou na Vila Progresso, na casa do seu pai, Alcindo. Meu pai casou em Capivari e depois veio para Jundiaí, indo morar no Caxambu e depois na Fazenda Japi, perto da serra.”

As lembranças de Avelino são muitas, mas a que ele faz questão de contar, diz respeito ao velório e enterro de Miguel. “Naquele tempo não tinha velório, os corpos ficavam nas casas até a hora do sepultamento. Lembro que tiraram – e eu era criança, tinha pouco mais de três anos de idade – a folha da porta, colocaram em cima de duas caixas de tomate e depois colocaram o caixão, com o corpo do meu avô.”

Avelino não se lembra de sua avó, Magdalena, mas tem histórias curiosas sobre Romano, Santo e Marcos. “Todos os irmãos eram lavradores, menos o Marcos, que era viajante. Ele vendia pinga, mas bebia muito. Não sei se porque a mulher tinha morrido vítima de um raio, mas lembro que ele bebia demais. Um dia, ele foi lá em casa e pediu pinga. Minha mãe disse que não tinha, mas ele achou um litro de álcool e acabou bebendo, já era um doente, um alcoólatra.”

As lembranças passam pela refinação Santa Maria, próxima à bebidas Caldas, na vila Arens, ao lado da fábrica de refrigerantes Ferráspari. Ele conta que, além de Antenor, Santo e Romano trabalharam ali. Mas por pouco tempo. Um dia, Romano foi reclamar com ele que Santo não deixava ele fazer “picadão”. “O cigarro era o único vício do meu pai. Tinha dia que ele ficava com um cigarro atrás da orelha e fazia outro com as mãos. Por causa disso eu também fumei. Fiz isso durante 61 anos e depois parei. Acho que se tivesse continuado a fumar, já tinha morrido. Comecei fumando picadão aos 12 anos e eu já tragava. Engolia aquele fumaça.”

A morte que ele não esquece, foi a de seu irmão, Gervásio. “Ele foi o único dos filhos do Romano que estudou bastante. Chegou a ser gerente da Argos. E foi o que morreu mais novo, com 45 anos”. Gervásio morreu no dia 22 de setembro de 1978 num acidente de carro, na ponte Rio-Niterói. “Fui até lá, até Niterói, naquele dia. Ainda vi meu irmão vivo, mas ele estava muito mal.”

 Para Avelino, Miguel veio da Itália só com a família e deixou outros irmãos por lá. “Temos parentes lá, não sei aonde, mas sei que temos.”

Irmãos

Avelino é o único filho solteiro de Romano e Ermínia. O casal teve ainda os seguintes filhos: João, casado com Angelina; Irineu, casado com Adelina; Antonio, casado com Elvira. Miguel casado com Lucia; Gervásio, casado com Teodolinda; Idalina, casada com Arcângelo; Duzolina, casada com Stefano; Inês, casada com Luíz; Elvira, casada com Francisco e Mafalda, casada com Etore. Além de Avelino, apenas Mafalda está viva.

Segundo ele, Stefano, cujo sobrenome é Marquezin, era irmão de Tercílio e José Marquezin. Para quem não sabe, Tercílio se casou com Eulinda Manzatto e José com Ema Manzatto, irmãs. Doce coincidência!

Ele lembra, ainda, que foi Euclides – o Nim, filho de Maria Manzatto Galvão e João Galvão, casado com Josefina – quem construiu a casa de seu irmão Miguel, no trevo de Jundiaí, próximo ao bairro da Malota, onde hoje tem um hotel.

Marcos morreu no dia 11 de abril de 1954, com 79 anos de idade. Romano morreu no dia 7 de setembro de 1949, com 67 anos de idade. Santo morreu no dia 28 de maio de 1952, com 83 anos.

No dia 15 de outubro de 1939 o Serviço de Registro de Estrangeiros concedeu a Certidão de permanência definitiva no país ao casal Romano, filho de Miguel e Magdalena Favareto, e Ermínia Catafava, filha de Plínio Catafava e Clorinda Catafava.

Texto de Nelson Manzatto

Etiquetas: , , , , , , , ,

8 Respostas to “Depoimento – Avelino Manzatto”

  1. fabiomanzatto Says:

    to tentando definir oq avelino é meu.. se ele é tio de meu vô é meu tio-avô???

  2. Ana Maria Says:

    Fábio, acho que é isto mesmo, mas foram bons momentos, ouvir Avelino contando sobre os seus, um fato que me lembro muito,é que quando passavamos nos domingos à tarde na casa dele na Dr Hegg é que tinha pão feito em casa feito pela sua mãe, Tia Erminia como chamavamos ela (tia de meu Pai) e era uma delicia, boas lembranças.

  3. Nelson Says:

    O Avelino é filho do Romano. Romano era irmão de Santo. Santo era pai de Alcindo, logo Avelino é primo de Alcindo. Assim, meu primo de segundo grau, de terceiro do Fábio – se é que existe este tipo de parentesco. Não é seu tio-avô Fábio. Curioso é o parentesco, os casamentos da época. Tercílio e José Marquesin eram irmãos e casaram com duas irmãs, mas aí, tinham um irmão que se casou com uma prima das duas irmãs.

  4. MARINILSO ANTONIO MANZATTO Says:

    Eu,Marinilso,sou filho de Dionizio manzatto,que é filho de Sebastião Manzatto e Cristina Venovich Manzatto.
    Gostaria de saber mais desta familia e seus descendentes.

  5. MARINILSO ANTONIO MANZATTO Says:

    Somente para esclarecer,na família de Sebastião e Cristina,está faltando as fotos de:Laurindo,Maria e Antonia,pois acredito que a família tem a seguinte formação:Sebastião/Cristina>Maria,Palmira,Georgina,Laurindo,Dionízio,
    Santo,Antonia,Alice e Domingos.
    Espero não ter esquecido nenhum.

    Marinilso

  6. Nelson Says:

    olá Marinilso. será que voce tem estas fotos? anote meu e-mail e o do Fábio e nos encaminhe: nelson_manzatto@uol.com.br ou fmanzatto@uol.com.br
    abraços
    Nelson

  7. Débora Says:

    Estou tentando fazer minha árvore genealógica, Só sei o nome dos meus bisavós paternos: José Brugnerotto e Ines Catafava. Como li que existe na família Catafavas, pensei se não há nenhum parentesco.

  8. Dareide Says:

    Ola, Tio Domingos.
    Tomamos conhecimento do seu aniversário através do Blog. Data especial para todos nós também, onde o Sr. comemora mais um ano em sua vida. Desejamos saúde, alegria e muita paz, junto a tia Ondina e filhos. Cantemos juntos mais uma vez ‘PARABÉNS a você, nesta data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida. Um abraço muito fraterno ao Sr. e que Deus o ilumine sempre.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: